Microsoft e Google fazem acordo para competir mais no mercado e menos na justiça

A Microsoft e a Google firmaram um acordo no qual as empresas se comprometem a parar de ficar criando brigas legais para poderem voltar suas energias à competitividade no mercado. As companhias vão abandonar quaisquer litígio que estejam pendentes entre elas ao redor do mundo no momento, e prometeram que vão tentar se acertar na conversa antes de recorrer ao sistema jurídico ou agências regulatórias. As declarações sobre o assunto das empresas foram bastante semelhantes:

“A Microsoft concordou em retirar suas queixas regulatórias contra a Google, refletindo nossas prioridades legais em mudança. Nós vamos continuar a focar em competir vigorosamente por negócios e clientes."
Microsoft

"Nossas companhias competem vigorosamente, mas nós queremos fazer isso nos méritos de nossos produtos, não em procedimentos legais."
Google

O Re/Code destaca que esse novo "festival da boa vizinhança" é resultado do relacionamento mais próximo entre os novos CEOs de cada uma das companhias. Enquanto o ex-chefe da Microsoft, Steve Ballmer, e o ex-chefe da Google, Eric Schmidt, nunca se acertavam, os atuais Satya Nadella e Sundar Pichai são mais amigáveis entre si e estarão mais abertos a se acertarem antes da briga evoluir.

Fonte: Re/Code
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

  • Redator: Gabriela Augusto

    Gabriela Augusto

    Estudante de Cinema da Universidade Federal de Santa Catarina, Gabriela é apaixonada por filmes desde criança e assiste mais séries do que é saudável. Nos games, caçava Metal Slug nos fliperamas e jogava Mario Kart mesmo depois de descobrir que era péssima. Hoje em dia divide seu tempo entre ver muitas séries e produzir vídeos para o Adrenaline.

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.