Com HBM2 e 15 bilhões de transistores, Nvidia Tesla P100 é a primeira GPU com arquitetura Pascal

A Nvidia finalmente anunciou o primeiro produto com arquitetura Pascal: trata-se da Tesla P100, uma GPU para datacenters que é baseada no processo de produção FinFET em 16 nm mais recente desenvolvido. Por utilizar o processo, a empresa conseguiu um ganho de 2 vezes o desempenho por watt, em comparação com as GPUs Maxwell.

De acordo com o site TechPowerUp, a placa de vídeo traz, em seu núcleo, um módulo multi-chips, que, em seu layout essencial, é similar ao AMD Fiji. São 15 bilhões de transistores e uma interface de memória HBM2 com 4096 bits de largura. Isso se liga com 4 memórias HBM2, que somam um total de 16 GB de Vram.

Juntando o die da GPU, seu wafer e suas memórias, o pacote da Tesla P100 tem 150 bilhões de transistores acumulados. Tudo isso distribuído por uma gigantesca (para uma GPU) área de 600 mm². A placa de vídeo oferece performance de computação de precisão dupla (FP64) de 5,3 TFLOP/s, desempenho FP32 de 10,6 TFLOP/s e desempenho F16 de 21,2 TFLOP/s.

Amostras da GPU já estão sendo enviadas para empresas como IBM, HP, Dell e Cray. Servidores contendo a Tesla P100 vão chegar ao mercado em 2017. Eles servirão para inteligência artificial, funcionalidades na nuvem e deep learning.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Qual a sua marca de headphones/headsets para jogos preferida? - Pesquisa de Periféricos 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.