Qualcomm está trabalhando em tecnologia de carregamento wireless para veículos elétricos

A Qualcomm assinou um acordo de licenciamento para a tecnologia de carregamento sem fio Halo, utilizada em carros elétricos e híbridos. O acordo foi feito com a consultoria britânica Ricardo, empresa especializada em negócios estratégicos ambientais. Segundo a companhia, a tecnologia Qualcomm Halo é uma solução avançada de carregamento wireless (WEVC) que pode estimular a adoção de carros elétricos.

O carregamento wireless para carros elétricos está próximo de substituir soluções via cabo

Com as duas empresas trabalhando em conjunto, a Ricardo pode projetar sistemas de engenharia WEVC que atendem aos requisitos das fabricantes de automóveis, incluindo soluções ambientais em até mesmo táxis, veículos utilitários e autônomos. Segundo a Qualcomm, o carregamento por indução é mais eficiente que a solução tradicional via cabo.

A tecnologia Qualcomm Halo pretende fazer com que o carro elétrico recarregue enquanto roda nas estradas, já que o mais comum são projetos que podem recarregar o veículo através de redes sem fio enquanto ele está estacionado. Além disso, uma das vantagens da Halo é que a transferência de energia funciona sem a necessidade de muita proximidade ou um alinhamento perfeito do carro no local de carregamento.

Tesla Model 3 é anunciado e Elon Musk confirma venda do carro no Brasil

- Continua após a publicidade -

{via}Qualcomm|https://www.qualcomm.com/products/halo{/via} 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.