Mulheres são maioria do público gamer brasileiro, aponta pesquisa

A pesquisa Game Brasil 2016, liberada na quarta-feira, indica que 52,6% do público gamer do Brasil é composto por mulheres. O número é ainda maior que os apresentados nos anos anteriores da pesquisa, onde as mulheres representavam 41% dos gamers em 2013 e  47,1%  em 2014.

O estudo também ressaltou o aumento da casualidade dos games. De acordo com a pesquisa, apenas 11% do público se considera jogador de verdade. Além disso, os homens tendem a jogar mais horas que as mulheres, como aponta Guilherme Camargo, CEO da Sioux, empresa que promoveu o estudo.

"No ano passado já havia o indicador de que as mulheres brasileiras superariam os homens no mercado de jogos em um curto espaço de tempo e isso se concretizou. Porém, o tempo que elas jogam é menor do que o do sexo oposto e o estilo de jogos que elas preferem também caracteriza um comportamento mais casual"

- Guilherme Camargo, CEO da Sioux

- Continua após a publicidade -

A pesquisa também revelou que a principal plataforma para jogos no país continua sendo os smartphones, sendo a maneiro de 77,2% do público entrevistado jogar. Em seguida, vem os computadores (66,9%) e consoles (45,7%).

Em relação aos consoles, o mais utilizado é o Xbox 360. Apesar de ter mais de 10 anos, o videogame da Microsoft domina  40,9% do mercado de acordo com a pesquisa, seguido do PlayStation 2 (35,3%) e PS3 (29,5%).

Os e-sports também tiveram um grande crescimento no país. 26% dos entrevistados já assistiram campeonatos de jogos eletrônicos, sendo 71,2% pela internet e 34,5% no local da competição.

A pesquisa Brasil Game 2016 foi promovida pela Sioux em parceria com a Blend New Research e a ESPM. Os pesquisadores ouviram 2.848 pessoas de 26 estados e do Distrito Federal entre os dias 15 e 26 de fevereiro de 2016. Mais informações e infográficos estão disponíveis neste link. 

Assuntos
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

Últimas

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.