NVIDIA lança tecnologia Optimus

A NVIDIA acabou de fazer o lançamento oficial de sua mais nova aposta para o mundo dos portÁteis, a tecnologia Optimus.

Para quem ainda não sabe, trata-se na verdade de uma nova maneira de implementar grÁficos de forma intercambiÁvel, ou seja, alternar entre o vídeo integrado e uma placa 3D offboard.

A principal diferença entre a Optimus para as tecnologias anteriores é que esta simplesmente faz tudo parecer fÁcil, muito simples e automÁtico. A Optimus funciona em combinação entre certas GeForces e processadores da Intel com IGP.

Um dos grandes objetivos da nova tecnologia é aumentar a autonomia da bateria, algo que a Intel projeta para as plataformas Pinetrail e CULV. De acordo com a NVIDIA, a Optimus funcionarÁ com as GeForces das gerações 300M, 200M, "M de próxima geração" (leia-se Fermi/GF100M), bem como com o ION 2 junto com os processadores Intel Arrandale Core i3, i5 e i7, Penryn Core 2 Duo e Pinetrail N4xx.

- Continua após a publicidade -

A geração anterior da tecnologia de GPU intercambiÁvel foi uma idéia bem interessante para a época, mas que pecou pela falta de simplicidade e facilidade de uso. Para quem nunca experimentou, basta dizer que era necessÁrio que o usuÁrio fechasse todas as aplicações ativas, esperar pela troca de GPUs, fazer o perfil/profile, ter certeza de não se esquecer de retornar a GPU original e ainda por cima suportar a tremulação irritante.

Com a Optimus, a mudança é feita quase que instantaneamente, graças ao novo driver, o que, de acordo com as informações divulgadas pela a web, deverÁ ser disponibilizado muito em breve e terÁ atualizações periódicas.

O chamado das rotinas é feito pelo reconhecimento do nome do arquivo executÁvel, além de outra maneira mais complexa, onde a Optimus detecta apenas o que é realmente necessÁrio para ligar a GPU offboard. Este opção é utilizada, por exemplo, quando se navega pela a Internet, onde o IGP geralmente é suficiente, a menos que o usuÁrio esteja acessando algumas animações mais complexas, como vídeos em Flash, onde a placa 3D offboad é acionada para executar a tarefa (versão 10.1).

A tecnologia Optimus também pode ser usada em jogos, aplicações CUDA e vÁrias outras tarefas que necessitem de um intenso trabalho de GPU.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

Devem existir lançamentos de chips com melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.