Spotify pode limitar acesso a músicas para contas gratuitas

O Spotify pode estar prestes a abandonar seu método de disponibilizar todas as músicas do serviço gratuitamente e com anúncios. De acordo com o The Wall Street Journal, os executivos da plataforma estão em negociação para permitir que cada artista escolha se quer disponibilizar suas músicas de forma gratuita.

Segundo o jornal, a medida será implantada primeiramente como um teste, para constatar se o número de usuários e inscrições pagas vai diminuir após a suspensão de parte do conteúdo disponibilizado gratuitamente e com anúncios.

Site interativo do Spotify reúne as músicas 
mais ouvidas no serviço de streaming em 2015

 

Até agora, todos os artistas não possuem a escolha de disponibilizar seus conteúdos apenas para os assinantes da versão paga e todo o conteúdo pode ser acessado também pelos usuários gratuitos.

Esta política do Spotify já gerou alguns conflitos com artistas, sendo o mais comentado o da cantora Taylor Swift, que retirou toda sua discografia da plataforma em 2014 por achar o valor pago pelo serviço de streaming injusto. No ano seguinte, a dona do single "Shake it off" cedeu seu conteúdo ao Apple Music, plataforma de transmissão de música da Apple.

Por enquanto, todo o conteúdo do Spotify está disponível para os usuários da plataforma. A versão paga traz diversos benefícios para o usuário, incluindo ausência de anúncios e possibilidade de ouvir música offline.

Atualmente, o Spotify é o maior serviço de streaming do mundo, com 20 milhões de usuários pagos e 80 milhões de contas gratuitas, que podem ouvir cerca de 2,1 milhões de artistas e mais de 28.5 milhões de músicas.

{via}Neowin|http://www.neowin.net/news/spotify-is-considering-limiting-its-offer-for-free-users{/via} 

Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você prefere?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.