Aplicativos de encontro facilitaram epidemia de HIV entre adolescentes, afirma pesquisa da ONU

A Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou um estudo que indica que aplicativos de encontro, como Tinder e Grindr, facilitaram uma epidemia de HIV entre adolescentes na Ásia. O relatório apontou um surto de infecções entre jovens de 10 a 19 anos na região, onde vivem mais da metade dos adolescentes de todo o mundo.

O estudo, que durou 2 anos, chegou à óbvia conclusão de que os apps de encontro expandiram as opções para sexo casual de uma maneira que nunca antes havia acontecido. Mas é necessário notar que não são os aplicativos que promovem qualquer tipo de comportamento irresponsável, mas sim vários outros fatores que levam as pessoas a ignorarem a necessidade de utilizar proteção.

Segundo a ONU, a epidemia se espalha mais rápido entre homens gays, que em muitos países da região são criminalizados e estigmatizados. Por isso, é comum que recorram a aplicativos do tipo para ter a possibilidade de ter relações amorosas sem a ameaça de serem presos ou sofrerem algum tipo de consequência social.

Além de falhas na educação sexual, há outro fator preocupante: em muitos desses países, menores de 18 anos precisam ter autorização dos pais para fazer o teste do HIV. Com isso, muitos ficam inibidos de falar sobre suas vidas sexuais, e não procuram tratamento. Para fechar, a condição do sexo ser tão imediato – às vezes organizado em questão de horas ou até minutos – também faz o uso de preservativos ser menos frequente.

Os responsáveis pelo estudo acreditam que os desenvolvedores dos aplicativos deveriam fazer mais para educar os usuários sobre o HIV. "Nós precisamos trabalhar melhor com os fornecedores dos aplicativos para compartilhar informações sobre HIV e proteger a saúde dos adolescentes", disse Wing-Sie Cheng, conselheiro da Unicef no combate à AIDS no leste asiático e no Pacífico.

{via}Guardian|http://www.theguardian.com/society/2015/nov/30/mobile-dating-apps-spurr-hiv-epidemic-among-asias-teenagers-says-un|Engadget|http://www.engadget.com/2015/11/30/un-says-dating-apps-helped-hiv-epidemic/{/via}

Assuntos
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você prefere?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.