Google já recebeu 348 mil pedidos de remoção de URL até agora

A Google confirmou que já recebeu cerca de 350 mil pedidos de remoção de URL nos últimos 18 meses. O número vale desde que a empresa acabou uma decisão da corte da União Europeia, que determinou que os cidadãos do continente possuem o direito de que links contendo determinadas informações sobre seu passado sejam removidas dos resultados do mecanismo de busca.

O mais recente relatório de transparência da empresa confirma que foram 348.085 pedidos, e que a maioria deles vêm de França e Alemanha. Logo depois na lista estão Reino Unido, Espanha e Itália. Segundo a companhia, já foram analisados até agora um total de 1,2 milhão de links, dos quais 42% foram de fato removidos dos resultados de busca.

Os sites mais afetados pelos pedidos são redes sociais. O Facebook, por exemplo, teve 10,2 mil URLs retirados da busca até agora. Da parte da própria Google, o Google Groups teve 6,7 mil, Youtube teve 5,3 mil, enquanto o Google+ tava 4,1 mil. Para completar, a empresa ainda retirou 3,8 mil URLs que redirecionavam ao Twitter.

{via}Mashable|http://mashable.com/2015/11/26/google-url-removal-requests/?utm_campaign=Mash-Prod-RSS-Feedburner-All-Partial&utm_cid=Mash-Prod-RSS-Feedburner-All-Partial&utm_source=feedly&utm_medium=webfeeds#6bloGgsSEuqw{/via} 

Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Qual vai ser o melhor game de abril de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.