Take-Two teria enviado detetives particulares para intimidar modder de GTA V

Um criador de mods para a versão PC do game Grand Theft Auto V alega que a Take-Two enviou detetives particulares para intimidá-lo em sua casa, coagindo-o a parar de desenvolvedor a modificação multiplayer online FiveM. Todas as acusações foram postadas no Reddit, no subfórum próprio do modder.

"Então, eu acabei de atender dois detetives particulares na minha porta, que disseram ser enviados da Take-Two, e me colocaram na linha com uma pessoa de algum lugar do Reino Unido ou dos EUA ou qualquer coisa para 'discutir como encerrar minhas atividades relacionadas a Grand Theft Auto'", disse o modder.

Ele ainda conta que os investigadores falaram que "sabiam o que aconteceu anteriormente com a Activision e não queriam envolver advogados desta vez". O idealizador do FiveM ainda alega que os detetives já testaram a posição legal deles e não aceitariam qualquer outra solução além de encerrar as atividades do modder.

"Ah, e eles também "não poderiam divulgar quaisquer conversas que eles estavam tendo que outros criadores de modificações", completou. Ele ainda finaliza, dizendo que os investigadores admitiram terem olhado no código-fonte do mod. A ideia do FiveM é oferecer uma alternativa ao multiplayer online oficial, com o diferencial de permitir o uso de modificações.

O curioso é que um mod diferente, chamado GTA:MP, que tem basicamente a mesma proposta do FiveM, chegou a receber uma oferta de ajuda da Rockstar. A empresa disse que poderia contribuir com feedback. Porém, isso não adiantou de nada, já que ambas as modificações tiveram seu desenvolvimento encerrado. No caso do GTA:MP, não há confirmação de que houve ação de detetives privados. Mesmo assim, eles receberam uma carta da Take-Two encorajando a desistência.

{via}PC Gamer|http://www.pcgamer.com/take-two-reportedly-sent-private-investigators-to-modders-home/|Reddit|https://www.reddit.com/r/FiveM/comments/3s5rmw/pis_sent_by_take_two_at_my_door_its_more_likely/{/via} 

Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.