Lei do Bem: Multilaser consegue liminar que estende isenção de impostos até 2018

A Justiça Federal concedeu uma liminar para a Multilaser que estende até dezembro de 2018 a isenção de impostos previstos na Lei do Bem. O benefício, que livra uma série de eletrônicos de uma carga tributária de 9,25%, estava previsto para acabar em dezembro deste ano, graças a uma medida provisória (a 690/2015). Entre os produtos afetados estão desktops, notebooks, tablets, modems, roteadores e smartphones.

O problema é que, em 2014, o governo estendeu a isenção até o dia 31 de dezembro de 2018, através da Lei n. 13.097. A argumentação do advogado da Multilaser, Alexandre Moura, é de que essa atitude do governo induziu os empresários a investir no setor sem temer muitos riscos.

"É uma traição, pois o particular confiou no executivo. A decisão vai nesse sentido, na proteção do empresário que fez investimentos significativos, e não pode ficar a Multilaser com os prejuízos em decorrência dos problemas de orçamento que o governo está enfretando", defende o advogado".

A decisão é da juíza federal Regilena Emy Fukui Bolognesi, que determinou que a atitude do governo de acabar com os benefícios da Lei do Bem 3 anos antes do previsto "ofende os princípios da segurança jurídica, da lealdade (segundo o qual a administração deve corresponder as expectativas por ela mesma geradas nos administrados), da boa-fé objetiva da administração, e da confiança legítima".

É importante notar que essa é uma decisão provisória, que pode ser derrubada em outras instâncias. Há informação de que outras empresas estão se movimentando para entrar com processos semelhantes, já que a decisão abriu um precedente. A Advocacia da União ainda não se manifestou sobre o assunto.

{via}IG|http://tecnologia.ig.com.br/2015-10-30/lei-do-bem-liminar-livra-empresa-de-impostos-em-smartphones-ate-2018.html{/via} 

Assuntos
Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Qual vai ser o melhor game de abril de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.