Seu avô tem um iPhone? Homens idosos são quem mais gasta com produtos Apple, segundo pesquisa

A Slice Intelligence realizou uma pesquisa entre os compradores de produtos Apple online durante o ano passado e concluiu que as pessoas que mais gastaram com os iGadgets foram homens com 65 anos de idade ou mais. Estes idosos deram, em média, US$ 976 cada um para a companhia da maçã pelos seus aparelhos e serviços.

O número total de consumidores analisados foi de 3 milhões de pessoas, com um gasto em média de US$ 788 por cabeça. Outro dado interessante da pesquisa é que o total de clientes com mais de 45 anos representa apenas 27% do total, mas ainda assim eles gastaram mais do que a média nacional.

Isso significa que, apesar dos idosos não representarem a maioria dos clientes da Apple, eles são consumidores valiosos, gastando mais do que a média dos outros. Especialmente os homens. Em todas as faixas etárias, os homens gastaram em torno de 42% a mais do que as mulheres em produtos da companhia.

- Continua após a publicidade -

A pesquisa foi realizada entre outubro de 2014 até setembro deste ano, tendo colhido dados de lançamentos como o iPhone 6 e o Apple Watch. Já o iPhone 6s e o 6s Plus acabaram ficando de fora, uma vez que foram lançados bem no mês de conclusão da coleta de dados. Os resultados correspondem apenas ao mercado norte-americano online.

{via}Slice Intelligence|http://intelligence.slice.com/apples-biggest-spenders-have-seniority/{/via} 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.