Motorola lança o Moto X Force, aparelho resistente com hardware topo de linha por R$ 3.149

A Motorola apresentou hoje mais um membro da família Moto X: o Motorola Moto X Force. O aparelho é a versão brasileira do Moto Droid Turbo 2, apresentado há dois dias atrás nos Estados Unidos pela Verizon. O aparelho mantém as mesmas especificações, com um perfil voltado ao segmento topo de linha, com processador Snapdragon 810 e 3GB de memória LPDDR4.

O principal destaque do aparelho são suas múltiplas camadas de proteção, a Moto ShatterShield, que promete tornar o aparelho extremamente resistente a quedas. Outro diferencial de seu topo de linha, mantendo uma característica de seu antecessor, é sua bateria parruda de 3760 mAh que promete 48 horas de autonomia. Junto com o kit do smartphone virá um carregar de recarga rápida, capaz de alimentar o equivalente a 13 horas de autonomia em apenas 15 minutos plugado na tomada.

Especificações Moto X Force

- Sistema: Android 5.1.1
- Display: 5.4' Quad HD | AMOLED | ShatterShield
- Processador: Qualcomm Snapdragon 810
- Memória: 3GB de RAM
- 64GB de armazenamento (expansível via microSD até 2TB)
- Câmera: 21MP traseira | 5MP frontal
- Bateria: 3.760mAh | Compatível com recarga wireless 
- 149,8 x 78 x 7,6 mm
- 169 gramas

- Continua após a publicidade -

O gadget também estará disponível me múltiplas cores e customizações através do Moto Maker, que possibilita escolher a cor e material da traseira além de detalhes como cores de botões. Também é possível fazer marcações à laser na parte traseira do modelo. 

A fotografia fica por conta das câmeras frontal e traseira, com 5 e 21 megapixels respectivamente. A câmera traseira conta com um sistema de LEDs duplos em diferentes configurações, para balancear as cores nas imagens.

O Moto X Force chega ao mercado brasileiro com o preço de R$ 3.149 e garantia de três anos, um período muito superior aos 12 meses que costumam ser oferecidos pelo restante das fabricantes. 

Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Em jogos single-player como Resident Evil Village, você prefere:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.