Hacker "Weev" promete difamar promotores que o mandaram para a cadeia com dados do Ashley Madison

O hacker Andrew Auernheimer, conhecido como "Weev", ganhou fama depois de conseguir e divulgar os endereços de e-mail pessoais de mais de 100 mil usuários do iOS e ser preso por isso. Depois de conflitos burocráticos sobre o caso, "Weev" foi solto no ano passado e, agora, divulgou no Twitter como planeja se vingar: através do vazamento do Ashley Madison.

O polêmico site para relacionamentos extra-conjugais ganhou as notícias em agosto depois que um massivo vazamento revelou os dados pessoais de seus usuários e "Weev" afirma que encontrou uma lista de promotores, juízes e agentes públicos fazendo uso do serviço. Ele pretende usar um apelo moralista para divulgar esses nomes e difamar primeiro os responsáveis pela sua prisão e, depois, ele vai seguir adiante "até ter coberto cada um e todos os promotores federais da América".

"Weev" acredita que não cometeu crime nenhum e acusa os promotores de manipularem o sistema para perseguirem "hacktivistas", como ele se considera. O hacker os chama de hipócritas e mentirosos, e alega que eles teriam usado inclusive equipamento público e durante o exercício de suas funções para criarem as contas no Ashley Madison.

"As declarações de promotores deveriam ser invioláveis, mas ainda assim em todo o país vocês têm continuamente regurgitado nada além de mentiras em casos criminais. Até o mais sagrado juramento pessoal que um homem pode fazer é uma piada podre para pessoas como vocês: a promessa de comprometimento com a esposa. Nós localizamos um número de advogados dos EUA dentro dos dados do Ashley Madison usando os recursos dos pagadores de impostos (escritórios, computadores, tempo pago e conexões à internet) para tentar trair suas esposas."

- Continua após a publicidade -

A quem interessar possa, "Weev" planeja divulgar todas essas informações no site independente de notícias GotnNews

{via}ArsTechnica|http://arstechnica.com/tech-policy/2015/10/weev-threatens-prosecutors-with-info-from-ashley-madison-leaks/{/via} 

Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.