Wilson X é a bola de basquete que conta suas cestas

Fazer o scout para descobrir seu aproveitamento em arremessos é algo bem trabalhoso, e para facilitar esse processo a Wilson lançou a Wilson X Connected Ball, uma bola de basquete que conta seus erros e acertos nas quadras. A bola traz um sensor do tamanho de uma pilha, equipado com acelerômetro e giroscópio, e consegue medir de forma automatizada seu nível de aproveitamento.

Os dados são enviados para seu celular através de uma conexão bluetooth, onde são exibidos em um app, onde é possível acionar um "técnico digital" que distribui frases "motivadoras" de acordo com seus erros e acertos. Há também um componente social, com o comparativo de seu desempenho com o dos amigos e, na era da gamificação, obviamente as conquistas não ficaram de fora.

Esteticamente, a bola não traz nenhum indicativo de que é diferente das tradicionais, sem nenhuma porta USB ou entrada de energia para recarregar. Segundo a promessa da fabricante, a Wilson X possui uma autonomia longa o bastante para durar toda a vida útil estimada da própria bola. 

A característica mais interessante da bola é que a Wilson X funciona sem a necessidade de instalar um sensor ou qualquer outra modificação na quadra. Para contabilizar uma cesta, só é preciso que o aro possua "uma redinha", pois a desaceleração da bola após passar do aro é parte importante do algoritmo que contabiliza a cesta. A bola também tem outra limitação: ela só registra arremessos de uma certa distância, o que faz com que ganchos e arremessos realizados de muito perto ou bandejas fiquem de fora dos dados. A bola também não diferencia arremessos de 2 ou 3 pontos, conseguindo apenas calcular os dados baseados na distância da qual foi realizado o arremesso. A empresa promete 93% de precisão na contabilização das cestas.

Como todo produto estreante em um mercado, a Wilson X chega por um preço bem salgado: está a venda por US$ 199, enquanto uma bola tradicional pode ser encontrada por US$ 25. Esse produto é apenas o estreante da linha Connected Ball, sendo que a empresa pretende desenvolver conceitos semelhantes para outros esportes.

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Qual a sua marca de mouses para jogos favorita? - Pesquisa de Periféricos 2020

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.