Por impasse com a NCAA, FIFA 16 vai perder 13 jogadoras; EA alega ter todos os direitos

13 jogadoras de "FIFA 16" não poderão mais fazer parte do elenco de atletas do game. O anúncio foi feito hoje pela Electronic Arts, que relatou um impasse surgido de última hora com a NCAA, a associação de ligas esportivas universitárias dos Estados Unidos.

As jogadoras removidas do game são:

  • Kadeisha Buchanan, Canada
  • Jessie Fleming, Canada
  • Ashley Lawrence, Canada
  • Janine Beckie, Canada
  • Rebecca Quinn, Canada
  • Sura Yekka, Canada
  • Celia Jiménez, Spain
  • Tanya Samarzich, Mexico
  • Greta Espinoza, Mexico
  • Christina Murillo, Mexico
  • Amanda Perez, Mexico
  • Emily Alvarado, Mexico
  • Maria Sanchez, Mexico 

Como as atletas estão atualmente participando ou têm chances de participar dos torneios da NCAA, a organização da liga considerou que a presença delas em "FIFA 16" colocaria em risco sua eligibilidade em participar dos campeonatos. A EA protestou, alegando ter todos os direitos de uso das imagens e características das jogadoras.

"Não concordamos com essa atitude. Todos os direitos foram assegurados seguindo o padrão de protocolos com instituições governamentais e federais, e nenhuma dessas jogadoras foram individualmente compensadas para serem incluídas no jogo. Acreditamos que essa decisção tira a chance delas de representarem seus países no game, mas as removemos para não prejudicar suas participações [na NCAA]".

- Continua após a publicidade -

As jogadores e seleções femininas são algumas das novidades em "FIFA 16". É a primeira vez que a franquia passa a ter atletas do sexo feminino.  

Tags
  • Redator: Andrei Longen

    Andrei Longen

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Andrei Longen é entusiasta por videogames desde os 7 anos, quando ganhou um Odyssey 2, seu primeiro console. Hoje tem PS4, PS3 e PS Vita e adora caçar troféus em todos os jogos. Colabora no Adrenaline com notícias, análises, artigos, colunas e vídeos.

Pra você, quem merece o GOTY?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.