Jogar Tetris pode reduzir desejos e ansiedades, segundo pesquisadores

Um estudo das Universidade de Plymouth e Universidade de Tecnologia de Queensland, na Austrália, certificou que jogar Tetris ajuda, supostamente, a reduzir desejos de cigarros, alimentos e até mesmo de sexo. Para chegar a estas conclusões, pesquisadores e psicólogos pediram a um grupo de estudantes de graduação composto por 31 alunos de com idade entre 18 e 27 anos para tomar nota sempre que tinham um desejo e qual era a intensidade do sentimento. Metade das pessoas entrevistadas receberam um iPad para jogar Tetris, enquanto a outra metade foi liberada para fazer qualquer outra coisa que quisesse. Os entrevistados voltaram depois de 15 minutos para dar o feedback.

Como resultado, as pessoas que jogaram Tetris em seus dispositivos tiveram a intensidade de seus desejos reduzidas em pelo menos 20% em comparação com aqueles que não jogaram. Como base do experimento, os pesquisadores disseram que jogar Tetris pode usar os mesmos processos mentais ​​que controlam a satisfação dos desejos.

Esta é a primeira demonstração de que a interferência cognitiva pode ser usada fora do laboratório para reduzir os desejos de substâncias e outras atividades como comer.
- Jackie Andrade, pesquisadora da Universidade de Plymouth.

- Continua após a publicidade -

Ela ainda explica que "jogar um jogo visualmente interessante como Tetris ocupa os processos mentais que lidam com imagens. Então é difícil imaginar algo vividamente e jogar Tetris ao mesmo tempo".

{via}Neo Win|http://www.neowin.net/news/neobytes--playing-tetris-could-help-lessen-cravings-according-to-research{/via} 

Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), fui estagiária do Adrenaline/Mundo Conectado entre 2015 e 2017. Gosto de jogos de luta (o que marcou minha infância foi Tekken 4) e MOBAs. Atualmente sou colaboradora de ambos sites e apareço de vez em quando em alguns vídeos e reviews dos canais.

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.