Funcionários da NET são acusados de assediar clientes pelo Whatsapp

Funcionários da empresa de telecomunicação NET estão sendo acusados nas redes sociais de utilizar informações pessoais indevidamente e assediar clientes. Ana Prado, que é jornalista e cliente da companhia, revelou que um atendente da empresa pegou o seu número sem permissão e começou a enviar mensagens via Whatsapp.

A jornalista recebeu uma ligação da NET durante a manhã de ontem (26) e, durante a noite, o funcionário da empresa que a atendeu enviou mensagens por Whatsapp. O atendente disse que tem acesso a todos os dados dos clientes, mas pegou apenas o número dela, pois ficou "curioso por conta da voz" da mulher.

Hoje de manhã me ligaram da Net pra oferecer um pacote. Disse que não estava interessada, agradeci e desliguei. Agora o...

Posted by Ana Prado on Terça, 26 de maio de 2015

- Continua após a publicidade -

No Twitter, a empresa respondeu a jornalista dizendo que irá tomar providências em relação ao ocorrido.


Mais Casos

Nos comentários da postagem, algumas pessoas relataram casos parecidos com o de Ana. Barbara dos Anjos disse que também já recebeu mensagens pelo Whatsapp de um atendente da NET. "Agora acho que a NET precisa repensar a política de segurança dos dados dos clientes", disse ela.

O usuário do Facebook Pietro Brugnera relatou  que recebeu mensagens no Whatsapp de um funcionário da Vivo. Já Rodolpho Rodrigo disse que foi assediado por um atendente da Tim. O cliente recebeu uma ligação para falar sobre uma fatura e depois começou a receber mensagens no aplicativo.

Tim e Vivo ainda não comentaram os casos relatados. A NET disse que o caso da jornalista Ana Prado está sendo tratado com a seriedade que exige e que informações sobre os outros casos relatados também estão sendo apuradas para, então, serem tomadas as providências.

{via}Exame|http://exame.abril.com.br/negocios/noticias/funcionarios-da-net-assediam-clientes-pelo-whatsapp{/via} 

Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Deve ter lançamentos como leve melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.