Aparecem fotos do suposto A10-7870K Black Edition, APU topo de linha da AMD

O anúncio dos processadores com núcleos Zen já elevaram a expectativa de muita gente para os próximos chips da AMD, mas nós só vamos ver as novas APUs e processadores FX no ano que vem. Enquanto isso, a empresa traz uma última leva de produtos baseados nos núcleos Excavator, e entre eles o seu topo de linha desta geração. Imagens mostra o A10-7870K Black Edition, APU de mais alto desempenho e que faz parte da geração Godavari, composta por chips bastante semelhantes em especificações aos Kaveri mas com refinamentos na eficiência e nos clocks.

Outra atualização importante destas APUs Godavari é a parte gráfica, que fica por conta de uma Radeon R7 baseada em Graphic Core Next 1.2. Demais especificações deste topo de linha incluem quatro núcleos, clock básico de 3.9GHz, 4MB de cache L2 e 512 núcleos gráficos. O TDP é de 95W.

Modelo

AMD A10-7870K ‘Godavari’

- Continua após a publicidade -

AMD A10-8850K ‘Godavari’ OEM

AMD A10-7850K ‘Kaveri’

Cores

4/4

4/4

- Continua após a publicidade -

4/4

Turbo Core 3.0

Sim

Sim

Sim

Clock Base

3.9 GHz

3.7 GHz

3.7 GHz

Turbo Clock

4. GHz

4.1 GHz

4.0 GHz

L2 Cache

4 MB L2

4 MB L2

4 MB L2

Desbloqueado

Sim

Sim

Sim

Núcleo gráfico

GCN Radeon R7

GCN Radeon R7 Series

GCN Radeon R7

Núcleos de GPU

512

512

512

GPU Clock

856 MHz

856 MHz

720 MHz

TDP

95W

95W

95W

Lançamento

28 de maio
(expectativa)

28 de maio
(expectativa)

14 de janeiro 2014

A expectativa é que o lançamento oficial desta APU aconteça no dia 28 de maio, de acordo com informações do Wccftech.

{via}WccfTech|http://wccftech.com/amd-a10-7870k-black-edition-godavari-flagship-retail-150/{/via} 

Tags
amd
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.