Veja supostas primeiras imagens da AMD R9 390X

 [+update]: Outra teoria vem ganhando força: como a imagem termina de forma abrupta, temos uma teoria interessante: esta placa pode ser bastante curta, como os modelos voltados a placas-mãe mini-ITX. Se a imagem mostra realmente toda a placa, também não teríamos aqui um modelo com resfriamento híbrido, unindo e ar e líquido, e sim somente o watercooler.

[+original]: Não foi só na área de processadores que tivemos novidades por parte da AMD. Apesar de não ser muito, temos um pequeno teaser do que será a futura topo de linha da empresa, a R9 390X baseada no chip Fiji XT. Como muitos dos rumores indicavam, a placa virá com um sistema híbrido de resfriamento, semelhante ao disponível na R9 295X2.


Imagem: Wccftech

A pequena imagem, divulgada pelo Wccftech, mostra pouca coisa, mas já fica evidente o design que combina acabamentos metalizados e interior em preto, bem semelhante ao que vimos com a R9 295X2, mas com um formato levemente atualizado. Outro destaque é o radiador de um sistema de watercooling ao fundo, reforçando o rumor de que esta placa contará com resfriamento líquido.

- Continua após a publicidade -

As placas da geração 300 da AMD contarão com a tecnologia HBM, ou High Bandwidth Memory, que promete um ganho de performance expressivo sobre o GDDR5. Sem data de lançamento prevista, o que temos é o rumor que veremos novidades em algum grande evento, potencialmente a E3, onde a empresa terá uma participação expressiva, ou na Computex, evento que acontece em junho e reúne muitos dos principais fabricantes de componentes para computadores.

Sem mais imagens oficiais, o que nos resta é esta imagem renderizada, juntando rumores anteriores. Como podem perceber, algumas coisas estão bem diferentes neste novo teaser, como as conexões e também o acabamento metalizado.

{via}WccfTech|http://wccftech.com/amd-radeon-fiji-xt-r9-390x-pictured-features-small-form-factor-water-cooling/{/via} 

Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.