Pesquisas pelo Google em dispositivos móveis ultrapassam pela primeira vez as feitas no PC

Como mais um reflexo da ascensão da navegação em dispositivos móveis no lugar dos PCs, o número de pesquisas no Google feitas em smartphones e tablets ultrapassou, pela primeira vez, as que são realizadas no desktop. O marco foi anunciado pela própria Google, que informou que os dados vêm dos Estados Unidos, Japão e outros 8 países, os quais a empresa não identificou.

"O futuro do mobile é agora". O clichê foi proferido por Jerry Dischler, vice-presidente do setor responsável pelo gerenciamento do AdWords na companhia. A apresentação foi feita na quinta-feira passada, especialmente para anunciantes. Segundo a Google, o valor recebido em média para cada anúncio caiu, porque empresas em geral não estão dispostas a pagar o mesmo tanto que pagam por uma propaganda no desktop para sua versão em dispositivos móveis. Mas os anúncios em smartphones, especificamente, estão gerando maior rendimento, conforme as companhias percebem, segundo Dischler, a importância de aparecerem para seus consumidores no momento exato da necessidade, enquanto procuram um lugar pra comer, ou estão comparando produtos, por exemplo.

Recentemente, a Google passou por mudanças que começaram trazer para o topo dos resultados da busca sites com versões especiais para dispositivos móveis. Essa mudança, segundo a Associated Press, ficou conhecida como "Mobilegeddon", porque "intimou" muitas páginas a correrem para criarem suas versões para smartphones e tablets. A empresa não revelou quantas buscas são feitas por dispositivos móveis e quantas em PCs, mas, no total, a Google recebe mundialmente 100 bilhões de pedidos de busca por mês

{via}The Big Story | http://bigstory.ap.org/article/8f93d9226ba04db2b17da07d6a450fe3/googling-mobile-devices-surpasses-pcs-us-1st-time{/via} 

Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.