APUs da série R, da AMD, estarão por trás dos sistemas de sinalização digital da Samsung

A AMD anunciou hoje que a sua série R de APUs, de codinome Bald Eagle, estará por trás da nova linha de Set-Back Box (SBBs) da Samsung para media players digitais. O novo Samsung SBB-B64DV4 estará voltado para os displays de sinalização digital da empresa, transformando as telas SMART Signate Displays da Samsung em ferramentas digitais atrativas para quem busca uma boa opção de telas para sinalização em seus estabelecimentos. A escolha deste processador com gráfico integrado está relacionada a maior conectividade, performance e menor consumo de energia.

Ao utilizar APUs da série R da AMD, os SBB media players da Samsung se tornam capazes de entregar performance gráfica em HD para dispositivos de sinalização digital, poupando energia em uma forma ultra-compacta. Com este set-back box, é possível fazer o streaming de imagens para até duas telas simultaneamente.

"A sinalização digital é uma vertical chave para os negócios da AMD", afirmou Scott Aylor, vice-presidente corporativo e diretor geral da subdivisão de APUs. "As APUs da série R permitem aos líderes de sinalização digital fornecerem altos níveis em performance gráfica em um formato de baixo consumo de energia. A AMD Embedded Solutions ajuda a equipe de design da Samsung a alcançar grandes objetivos em fator de forma ao mesmo tempo que reduz custos dos sistemas sem deixar de fornecer a qualidade de multimídia exigida no setor."

A APU utilizada no SBB, a RX-425BB, combina uma CPU x86 de alta performance com um chip integrado Radeon R6 em uma configuração de consumo menor de energia para minimizar os gastos e alcançar requerimentos de eficiência energética. O processador utiliza a microarquitetura Graphics Core Next (GCN), criada para aplicações em gráficos avançadas e com capacidade de processamento paralelo.

- Continua após a publicidade -

(via Guru3D)

Tags
amd
  • Redator: Gabriel Daros

    Gabriel Daros

    Redator da Adrenaline que teve contato com hardwares desde quando viu seu pai montar um tal "PC gamer" aos oito anos de idade. Escreve notícias sobre internet, tecnologia e jogos, cujo primeiro contato foi com um SNES aos sete anos. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desde 2013.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.