Empresa de segurança encontra malware pré-instalado no Mi 4, topo de linha da Xiaomi

A Bluebox, empresa dos EUA especializada em segurança de dispositivos móveis, alega ter encontrado programas maliciosos pré-instalados no Mi 4, smartphone topo de linha da fabricante chinesa Xiaomi. Segundo a companhia, foram ecnontrados pelo menos seis malware e adware diferentes no aparelho.

Três dos programas nocivos se destacam no relatório da Bluebox. O primeiro seria o Yt Service, responsável por fazer pipocar anúncios no aparelho. O programa "enganaria" a segurança do Android fazendo as propagandas parecerem vindas direto da Google, o que gera uma vulnerabilidade.

Outro aplicativo problemático, mas um pouco menos, é o AppStats, classificado como "riskware". Enquanto ele, em si, não é perigoso, o aplicativo pode servir como porta de entrada para outros tipos de malware.

Por último, foi encontrado o PhoneGuardService, considerado um "cavalo de Troia" e pode ser usado para a invasão do aparelho.

Segundo o VR-Zone, a Bluebox também concluiu que 7 vulnerabilidades já conhecidas do Android não estão corrigidas no aparelho. A Xiaomi usa uma build própria do sistema operacional, que não é certificada diretamente pela Google.

A Xiaomi está chegando este ano ao Brasil, mas talvez seja bom conhecer alguns aplicativos de segurança antes de correr para comprar o seu Mi.

- Continua após a publicidade -

{via}Tom's Guide | http://www.tomsguide.com/us/xiaomi-mi4-malware-preinstalled,news-20598.html{/via} 

Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você pesa mais quando escolhe sua plataforma para jogos?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.