Facebook quer implantar sua iniciativa Internet.org em 100 países até o fim do ano

O Facebook informou para alguns membros da imprensa em Barcelona que sua iniciativa de expansão da internet, o Internet.org, está se direcionando para uma expansão agressiva. O vice-presidente do projeto, Chris Daniels, informou que o plano da empresa é se expandir em 100 países até o fim do ano. A iniciativa já ajudou mais de sete milhões de pessoas a acessarem informações gratuitas sobre saúde, emprego e dados locais. 

Atualmente, o Internet.org está instalada em seis países – Zâmbia, Tanzânia, Kenya, Ghana, Colômbia e Índia. Lançado em 2013, o projeto é uma inciativa do Facebook em conjunto com os fornecedores de internet nos mercados locais para oferecer acesso gratuito à web para pessoas que, em outras circunstâncias, não conseguiriam se conectar. O objetivo é introduzi-las à serviços básicos online como Wikipedia, páginas de serviços (e o Facebook), convencendo-os da importância da internet e, por fim, fazendo-os comprar um pacote Premium.

"O objetivo ambicioso deste ano é que chegue até 100 [países]. Não queremos focar tanto no número, mas queremos espalhá-los para países adicionais, grupos de operadoras e... vermos mais pessoas online, comprando pacotes de arquivos, SMS e voz. O número é o indicativo de nossa meta ambiciosa. O objetivo geral é trazer a conectividade ao mundo."

Chris Daniels, vice-presidente da Internet.org

O aplicativo do Internet.org oferecido nos países remotos oferece um acesso básico ao site do Facebook. Enquanto os usuários podem conectar-se com amigos e escrever nos murais de cada um, eles precisam fazer upgrades para planos premium se quiserem assistir à vídeos e abrirem fotos. Isso também garante que apenas uma camada fina de dados seja utilizada e não apresente problemas de capacidade para os parceiros afiliados.

- Continua após a publicidade -

Os resultados do projeto estão se tornando visíveis: os países que começaram a oferecer o aplicativo Internet.org notaram um pulo de 40% em novos clientes nas operadoras locais. Como exemplo direto da campanha do Facebook, o número de pessoas acessando a rede Tigo, na Colômbia, aumentou em 50% e estimulou as vendas de smartphones na Tanzânia em 10 vezes. A rede social está trabalhando em conjunto com os governos locais para selecionar as páginas disponíveis no app.

Ainda nesta semana, Mark Zuckerberg informou que a empresa está "trabalhando" na criação de drones, lasers e satélites para ajudar na distribuição da internet nos dois terços do mundo que ainda estão offline. Segundo o vice-presidente da Internet.org, o Facebook está escolhendo a expansão da web baseado na necessidade e nos parceiros operando nas regiões.

{via}Mashable|http://mashable.com/2015/03/04/facebook-web-access-internet-org/{/via}

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Tags
  • Redator: Gabriel Daros

    Gabriel Daros

    Redator da Adrenaline que teve contato com hardwares desde quando viu seu pai montar um tal "PC gamer" aos oito anos de idade. Escreve notícias sobre internet, tecnologia e jogos, cujo primeiro contato foi com um SNES aos sete anos. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desde 2013.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.