Câmeras do Google Street View entram de tirolesa na floresta Amazônica

A Amazônia é uma das regiões que possui a maior diversidade ecológica do planeta Terra. E não é à toa que o Google constantemente registra imagens da floresta Amazônica para o seu serviço Street View. Tem muito o que mostrar. Dessa vez, as câmeras da companhia entraram de tirolesa na floresta para capturar um ângulo de visão que nem os moradores locais têm.

Com a ajuda da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), o Google iniciou no dia 1º de março a divulgação das imagens panorâmicas capturadas. Além de ir floresta adentro, as câmeras também navegam, agora, pelos rios Aripuanã, Mariepauá e Madeira e visitam 17 comunidades que vivem às margens dos rios.

Três anos atrás, a mesma parceria entre Google e FAS resultou na captura de imagens da Bacia Amazônica na região do Rio Negro. Na época, o superintendente geral da FAS Virgílio Viana, disse que "a exuberância desses locais, vista pela internet, pode chamar a atenção e despertar o interesse, principalmente dos brasileiros, para os desafios da conservação ambiental."

{via}Google|http://google-latlong.blogspot.com.br/2015/03/zipline-through-amazon-forest-with.html{/via}

Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

Com o GeForce Now e o xCloud surgindo como opções, qual seu plano a médio prazo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.