Para co-fundador da Tesla, o que mais importa são caminhões elétricos, e não carros

Enquanto os carros elétricos ainda parecem um futuro distante no Brasil, em alguns locais do mundo o uso de veículos do tipo cresce consideravelmente. Não há dúvidas de que esse tipo de veículo terá importante papel em reduzir a poluição do meio ambiente, mas o co-fundador da Tesla, Ian Wright, diz que são os caminhões elétricos que realmente vão permitir que as empresas economizem dinheiro.

Ele explica que, diferente do que acontece com os carros, o investimento em caminhões elétricos dá um retorno muito mais imediato. "Carros de famílias queimam cerca de 2 mil litros [de combustível] por ano", fala Wright. "Se você produzir um carro elétrico que custe US$ 15 mil (R$ 42 mil) a mais, talvez economize US$ 1,5 mil (R$ 4,2 mil) [em combustível]. Ou seja, você recupera o dinheiro em 10 anos".

"Se você ver caminhões de lixo, por exemplo, eles queimam cerca de 53 mil litros por ano, então dá para economizar US$ 35 mil (R$ 100 mil) em combustível e US$ 20 mil (R$ 57 mil) em manutenção".

Um dos 5 fundadores originais da Tesla, Wright hoje possui sua própria empresa, a Wrightspeed. No ano passado, a companhia fechou o primeiro grande acordo com a FedEx, para converter 25 caminhões de entrega em veículos híbridos.

{via}The Verge|http://www.theverge.com/2015/2/27/8119981/electric-trucks-wrightspeed-ian-wright{/via} 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.