FBI está oferecendo recompensa de US$3 milhões por hacker russo

O FBI anunciou ontem que está dando uma recompensa de US$3 milhões (cerca de R$8,5 milhões) para quem ajudar diretamente na captura do cibercriminoso russo Evgeniy Mikhailovich Bogachev. A principal acusação contra o hacker é ser um dos desenvolvedores do botnet GameOver Zeus, que infectou mais de um milhão de computadores, um quarto nos Estados Unidos.

O botnet, rede de softwares ligada na rede de computadores, causou mais de US$100 milhões em prejuízos, segundo a Polícia Federal norte-americana. O malware era utilizado para roubar dados, senhas e informações pessoais para acessar sistemas bancários. 

Atualmente, Bogachev é o primeiro na lista de cibercriminosos mais procurados pelo FBI. O russo também é acusado por conspiração, pirataria de computadores, fraude eletrônica, fraude bancária e lavagem de dinheiro. O governo norte-americano acredita que o hacker está na Rússia, mas pede qualquer informação que possa auxiliar na captura do criminoso.

{via}The Verge|http://www.theverge.com/2015/2/24/8103553/fbi-3-million-reward-evgeniy-mikhailovich-bogachev{/via} 

Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Você quer processadores da AMD com gráficos integrados

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.