Kim Dotcom convence o Lizard Squad a deixar a PSN e a Xbox Live em paz

O Lizard Squad é um grupo de hackers que conseguiu colocar seu nome nas notícias por ter como principais alvos a PSN e a Xbox Live. Seu último ataque deixou as duas redes fora do ar ou oscilando desde a véspera de natal. Enquanto a Microsoft e a Sony não encontravam solução, quem deu uma de "Papai Noel" e trouxe o multiplayer de volta para os jogadores de PS4 e Xbox One foi ninguém menos que Kim Dotcom.

Dotcom, para quem não se lembra, fez fortuna com a criação do Megaupload. O serviço, mais tarde, foi desligado sob acusações de pirataria e seu criador chegou a ir preso. Atualmente solto, Dotcom ainda serÁ julgado por crimes de "conspiração para cometer extorsão e infração de copyright", mas, enquanto esse dia não chega, o empresÁrio toca o Mega, serviço de armazenamento em nuvem criptografado. E foi usando o Mega que ele convenceu os hackers a pararem seu ataque.

- Continua após a publicidade -

Para ver a imagem da conversa de Dotcom com o Lizard Squad em tamanho original, clique aqui

No que ele chama de um "milagre de natal", Dotcom subornou o Lizard Squad oferecendo vales anuais de conta Pro I no Mega para que eles parassem o ataque. Se os hackers deixarem a PSN e a Live em paz, os vales serão vitalícios. Um novo ataque revogaria esses vales. Agora é aguardar pra ver se o Lizard Squad vai procurar novos alvos visando receber novos benefícios para pararem seus ataques.

Mas se vocês os atacarem de novo, esses vales serão terminados. OK? E, de novo, obrigado por deixarem as pessoas jogar, inclusive a mim :-)

E, provando que a história de Dotcom não é invenção, o Lizard Squad tweetou sobre o assunto em seu perfil pessoal, promovendo o Mega ainda por cima.

- Continua após a publicidade -
{via}Neowin|http://www.neowin.net/news/kim-dotcom-single-handedly-stopped-the-psn-and-xbox-live-outages-caused-by-lizard-squad{/via}  

Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Qual os planos para hardware esse ano?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.