Crowdfunding pede 150 mil dólares para pressionar a Valve a lançar Half-Life 3

Uma campanha produzida por dois fãs da série Half-Life busca 150 mil dólares para pressionar os desenvolvedores da Valve a lançar o terceiro jogo da franquia. Lançado hoje na Indiegogo, o projeto foi elaborado por dois membros de uma agência de publicidade e quer pressionar o desenvolvimento do novo game. Embora sua produção foi confirmada, o título ainda não possui data prevista para lançamento nem para quais plataformas estÁ sendo lançado.

Segundo os desenvolvedores da campanha, Chris Salem e Kyle Mazzei, as expectativas do resultado são positivas devido à Valve prestar atenção na sua comunidade de fãs. O crowdfunding contém quatro etapas distintas. correspondendo a diferentes ações conforme o dinheiro arrecadado. São elas:

  • Nível de $ 3.000: Uma campanha de AdWords direcionada a todos os 300 empregados da Valve, dizendo "We Want Half-Life 3";
  • Nível de $ 9.000: Um caminhão de anúncios com um banner dizendo "We Want Half-Life 3", passando pela frente da sede da Valve em Washington;
  • Nível de $ 45.000: A dupla contratarÁ sósias do cofundador da Valve, Gabe Newell (!), com camisetas da campanha para invadir a sede da empresa;
  • Nível de $ 150.000: Um show com "diversos compositores de trilhas de jogos" em Seattle, convidando todos os desenvolvedores da Valve e também fãs.

Como recompensa, além de "unir a comunidade de fãs do jogo" e chamar a atenção da empresa, quem der suporte ao projeto receberÁ uma carta personalizada, bottom, camiseta com a mensagem "We Want Half-Life 3" e uma música original de J.J. Lewis. Vale lembrar que, apesar do objetivo da campanha, nada garante que o dinheiro doado irÁ mesmo para as metas selecionadas. Você pode assistir abaixo ao vídeo dos desenvolvedores do crowdfunding e tirar suas próprias conclusões:

Assuntos
Tags
  • Redator: Gabriel Daros

    Gabriel Daros

    Redator da Adrenaline que teve contato com hardwares desde quando viu seu pai montar um tal "PC gamer" aos oito anos de idade. Escreve notícias sobre internet, tecnologia e jogos, cujo primeiro contato foi com um SNES aos sete anos. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desde 2013.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.