BGS 2014: Mortal Kombat X se renova com variantes de estilos de luta dos personagens

Hoje é o primeiro dia da BGS 2014 e jÁ tivemos a oportunidade de experimentar Mortal Kombat X, novo título da aclamada série de luta e violência da NetherRealm. Infelizemente, não fomos autorizados a filmar nem fotografar o gameplay, então confirmam nossas primeiras impressões.

A primeira coisa que chama a atenção em Mortal Kombat X são as novas "variantes" dos lutadores. Cada personagem tem três modos diferentes que diferencia em algo seu gameplay. Sub-Zero, por exemplo, tem a variante Unbreakable, que foca mais na defesa e golpes pesados, enquanto Scorpion tem a variante Inferno, que permite a ele controlar lacaios demoníacos para atacar seus adversÁrios. Ou os estreantes Ferra e Torr que, em sua variante Vicious, focam nos ataques em que Torr lança Ferra contra seus inimigos, para abrir suas defesas, se aproximar e realizar combos devastadores. As variações chegam a alterar os golpes especiais que cada personagem pode aplicar, o que acrescenta muito ao gameplay.

Os grÁficos estão bastante melhorados, mas não chegam a impressionar. A câmera ficou mais dinâmica enquanto se aproxima e se distancia dos personagens, por exemplo, ou mudando seu ângulo conforme os "kombatentes" andam pelo cenÁrio. A grande novidade dos cenÁrios, na verdade, é a possibilidade de interagir com eles. Assim como em Injustice: Gods Among Us, em Mortal Kombat X é possível interagir com elementos do cenÁrio para se reposicionar ou para ferir o adversÁrio. Mas nesse novo título, essa interação foi muito melhorada e estÁ mais fluida. Um jogador treinado vai conseguir realmente colocar o cenÁrio a seu favor e integrÁ-lo aos seus combos ou usar o reposicionamento para sua vantagem (fugir de um canto, por exemplo).

A violência do game estÁ presente aqui com toda força. Os golpes são arrasadores e quase dÁ pra "sentir" a dor dos personagens. Os X-Ray estão de volta e, se possível, ainda mais destruidores. Vale salientar aqui algo que foi problemÁtico. A resposta dos controles estÁ bastante devagar. É difícil saber, nesse momento, se o problema é da build que jogamos ou se essa é a nova tendência do game. Na experiência da jogatina de hoje, entretanto, certamente foi um ponto negativo. Jogamos Mortal Kombat X no PS4, mas o stand da Warner Bros. também tem o Xbox One rodando o game.

- Continua após a publicidade -

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.