[Rumor] Intel planeja implementar processadores Broadwell em 3 segmentos de notebooks

Parece que a Intel estÁ planejando implementar seus processadores Broadwell de 14nm em 3 diferentes segmentos de notebooks. De acordo com o site Guru3D, o primeiro seria o de notebooks de entrada tradicionais, com displays de 10.1 a 17.3 polegadas não sensíveis ao toque, que custem entre US$ 199 e US$ 599.

A segunda fatia de mercado seria a de dispositivos 2-em-1 que custem entre US$ 349 e US$ 999. Para completar, a empresa ainda teria interesse em colocar os processadores Broadwell no segmento de notebooks de alto desempenho. Estes com telas entre 14 e 17 polegadas, e com preços bem maiores, acima de US$ 1.500. Dispositivos destes 3 segmentos devem começar a vir com os novos processadores da Intel até o fim de 2014.

Os processadores Intel Core M, de codinome Broadwell Y, jÁ estão sendo produzidos desde setembro, e foram bastante usados por vendedores de dispositivos 2-em-1, como Lenovo e Asus. JÁ a produção em massa da série Broadwell U começarÁ em janeiro de 2015. Processadores desta linha deverão começar a ser incluídos nos dispositivos entre julho e setembro de 2015.

Após os processadores da linha Broadwell, a Intel vai lançar a geração Skylake, que também serÁ produzida em 14 nm. CPUs com a arquitetura devem começar a ser produzidas no terceiro trimestre de 2015. Algum tempo depois, a Intel vai trabalhar na geração Skymont, essa sim de 10 nm. Via Digitimes.

- Continua após a publicidade -

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Tags
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.