Nvidia não irá trazer o suporte ao FreeSync e irá focar no G-Sync

Não que isto vÁ pegar alguém de surpresa, mas ainda assim é interessante ter um pronunciamento sobre o assunto. Representantes da Nvidia afirmaram ao site chinês ExPreview que não hÁ a intenção de suportar a tecnologia FreeSync, encabeçada pela AMD, em suas placas de vídeo, e irÁ focar no desenvolvimento do ecossistema do G-Sync

O FreeSync é a alternativa com tecnologia opensource ao G-Sync, e faz algo bastante similar: modifica as taxas de atualização do monitor para que novas imagens sejam exibidas assim que a placa de vídeo gera um novo quadro. Esta forma de exibição evita problemas como o tearing, resultado da "dessincronia" entre a atualização do monitor e a criação de novos quadros pela placa de vídeo.

A tecnologia da AMD pode ser implementada de forma gratuita por outros fabricantes, e é baseada no também aberto padrão DisplayPort 1.2a. Porém, a Nvidia não implementou este padrão em suas placas mais recentes, as GeForce GTXs série 900, que estão limitadas ao padrão DisplayPort 1.2.

Esta limitação de hardware não afeta apenas as placas da Nvidia. Modelos da série R7 e R9 em arquiteturas anteriores, como os chips Tahiti e Curacao em placas R9 270/270X/280/280X, não suportam o FreeSync.

- Continua após a publicidade -

Via TechPowerUp 

Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.