Telefónica fecha a compra da GVT por R$ 22 bilhões

O grupo Vivendi, atual dono da empresa brasileira GVT, divulgou hoje que seu conselho aceitou a proposta de 7.2 bilhões de euros propostos pela Telefónica. A operação darÁ 92,5% de controle ao grupo Telefônica Brasil, enquanto 7.5% seguirão sob controle do grupo francês Vivendi.

Por envolver grandes grupos com posse de empresas de telecomunicações, esta transação ainda precisarÁ ser aprovada por órgãos regulatórios brasileiros. A Telefónica tem a intenção de incorporar a GVT à Vivo, dando origem ao que seria o maior grupo de telecomunicações do país, o Telefônica Brasil.

Desda transação, 4.66 bilhões de euros serão pagos em dinheiro, enquanto o restante serÁ revertido em ações. A transação também envolverÁ a Telecom Italia, dona da participação da Tim no Brasil, sendo que ao final do "vai e vem" de ações e dinheiro o grupo Vivendi terÁ 5.7% da Telecom Italia.

- Continua após a publicidade -

Contando com todos os trâmites necessÁrios, além da aprovação dos órgãos regulatórios nacionais, as empresas esperam fechar as negociações no primeiro semestre do ano que vem. 

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Qual vai ser o melhor game de setembro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.