AMD apresenta tecnologias para mercado de sinalização digital na Brasil Signage Expo

AMD participarÁ da primeira feira de tecnologias na América Latina direcionada especialmente ao setor de sinalização digital. O evento, chamado Brasil Signage Expo, acontecerÁ nos dias 18 e 19 de setembro, no pavilhão amarelo do Expo Center Norte, em São Paulo Â–  SP. Em parceria com a Tecsys, as duas empresas apresentarão ao mercado novos hardwares para este segmento, que tem como foco aparelhos interativos de transmissão de informações.

Dentre as tecnologias a serem apresentadas, a AMD exibirÁ seu portfólio de acessórios para o setor, como APUs (processadores acelerados), GPUs (unidades de processamento grÁfico) e SoCs (sistemas em um chip). Todos estes equipamentos fazem parte das soluções embarcadas – sistemas integrados a um hardware – para o mercado de sinalização digital. Segundo o diretor-geral da empresa, Roberto Brandão, esta Área estÁ dentro dos principais focos de atuação da AMD, que pretende diversificar seus produtos desenvolvendo novas tecnologias neste setor.

Da linha de equipamentos com tecnologia embarcada da AMD, estarão expostos os terminais industriais fanless TS1000 e TS1100, da Tecsys, presentes no mercado brasileiro com configurações de 1.6 GHz Dual Core e 1.4 GHz Dual Core, respectivamente, além das placas grÁficas AMD Radeon 6310 e 6250. Durante o evento, os terminais rodarão diferentes tipos de softwares, todos voltados para o setor de sinalização digital, para mostrar suas possibilidades de uso.

Além dos equipamentos, a AMD demonstrarÁ seu novo modelo de terminal fanless Quad Core, com configurações de 1.5 e 2.0 GHz em quatro núcleos e o uso das placas da série 8000 da Radeon. Segundo a empresa, o destaque deste equipamento estÁ em mecânicas diferenciadas para os aplicativos de sinalização digital  Â– fixa e móvel – e também uma fonte automotiva de energia com funcionamento programÁvel.

Tags
  • Redator: Gabriel Daros

    Gabriel Daros

    Redator da Adrenaline que teve contato com hardwares desde quando viu seu pai montar um tal "PC gamer" aos oito anos de idade. Escreve notícias sobre internet, tecnologia e jogos, cujo primeiro contato foi com um SNES aos sete anos. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desde 2013.

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.