Suspeito de assassinato pode ter usado a Siri do iOS para esconder corpo


Evidência obtida pelo departamento de polícia que investiga o caso. Via WXPI News.

Um suspeito de assassinato pode ter perguntado à Siri, assistente pessoal do iOS, como esconder um corpo, nos Estados Unidos. De acordo com o site The Independent, Pedro Bravo disse ao seu iPhone "Eu preciso esconder meu colega de quarto." Esse colega seria Christian Aguilar, que estaria saindo com a ex namorada de Bravo.

A conversa com a Siri aconteceu em 20 de setembro de 2012, no mesmo dia em que a vítima desapareceu. Em resposta, a assistente de voz recomendou pântanos, reservatórios, fundições de metal e lixeiras.

As autoridades americanas também descobriram que os dados de localização obtidos através do smartphone contradizem o depoimento do suspeito, que dizia estar em outro lugar no momento do incidente. Além disso, foi descoberto que Bravo utilizou o flash nove vezes. Segundo o The Independent, as fontes policiais citam que o rapaz teria usado a luz durante a tentativa de esconder o corpo de Aguilar.

Via The Verge.

Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.