Rússia oferece US$100 mil para quem descriptografar dados da rede Tor

O governo da Rússia estÁ oferecendo cerca de US$100 mil para quem descobrir uma forma confiÁvel de descriptografar dados enviados pela rede anônima Tor. O concurso estÁ sendo organizado pelo Ministério do Interior do país e, segundo o Partido Pirata da Rússia, o governo estÁ mais interessado em lutar contra a pornografia infantil do que contra campanhas anti-Putin.

JÁ o especialista em serviços de segurança Andrei Soldatov diz que o ministro do interior pretende explorar maneiras de restringir o uso da rede anônima. O fato de o concurso ter sido divulgado publicamente significaria que o governo estÁ dando sinais para que as pessoas sejam mais cautelosas no uso do Tor.

O concurso foi divulgado num portal do governo russo. Quem entende a língua do país, pode conferir mais detalhes sobre a iniciativa aqui.

A rede Tor é conhecida pelo seu objetivo de permitir uma navegação completamente anônima. Sua estrutura em diferentes camadas faz com que os próprios usuÁrios "re-roteiem" os pedidos de acesso vÁrias vezes, ofuscando o posicionamento de cada um. O uso do serviço aumentou, principalmente, depois das denúncias de espionagem do governo americano.

- Continua após a publicidade -

Via The Guardian.

Assuntos
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

Escolha um lado:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.