SSDs finalmente serão acessíveis ao grande público?

Ao que parece, os consumidores serão testemunhas de uma verdadeira "guerra" entre as principais fabricantes de chips flash NAND pelo posto de número 1 no setor.

De acordo com fontes da indústria, Micron, Intel, Kingston, SanDisk e Samsung decidiram acelerar a produção de suas fÁbricas com o objetivo de "inundar" o mercado, e assim, ganhar mais share de seus concorrentes. A boa notícia para os consumidores é que uma maior oferta de SSDs nas lojas tenderÁ a reduzir o preço dos produtos.

A Micron reduziu recentemente a oferta de chips flash NAND para terceiros, como forma de ofertar mais SSDs sob a sua marca, a Crucial. A Companhia pretende dobrar as vendas de SSDs nos próximos trimestres, avançando assim a sua presença no mercado. A Kingston aumentou a sua produção mensal para 600 mil unidades, como estratégia de ganhar a briga com SanDisk e Samsung pelo posto de número 1 no segmento. Após figurar na sexta colocação em 2013 com share de 6%, atualmente a SanDisk é a segunda maior produtora de chips flash NAND, com 16% de participação de mercado. JÁ a Intel pretende ganhar terreno com a nova tecnologia M.2, que suporta as interfaces PCIe e SATA, oferecendo larguras de banda respectivas de 10 Gb/s – podendo em alguns casos chegar a 20 Gb/s e 6Gb/s.

Assuntos
Tags
ssd
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.