Ex-funcionário da Microsoft que vazou o Windows 8 é sentenciado a 3 meses de prisão

Alex Kibkalo, um ex-funcionÁrio da Microsoft, vazou imagens do Windows 8 antes do anúncio oficial do novo sistema. Isto jÁ seria o bastante para uma história e tanto, ao Kibkalo entregar antes do anúncio um dos sistemas com as maiores modificações jÁ feitas na história do Windows, mas o episódio ficaria famoso por outro incidente: para descobrir quem foi o responsÁvel pelo vazamento, a Microsoft usou um recurso que causaria muita controvérsia, ao sair "escaneando" as caixas de e-mails do Hotmail.

Pois a a manobra imoral da Microsoft conseguiu seu objetivo: Kibkalo foi considerado culpado de roubar informações confidenciais da empresa, e cumprirÁ pena de três meses de reclusão por ter disponibilizado os dados sigilosos a um blogueiro francês - que recebeu as imagens em seu e-mail do Hotmail. Genial, não?

Depois da péssima repercussão do caso, a Microsoft prometeu mudar sua política de privacidade, sendo mais transparente quando acessar dados de seus usuÁrios e, inclusive, instituir uma espécie de "ordem judicial simulada" antes de "quebrar o sigilo dos dados". A razão de todas as aspas na frase anterior é que os dados dos e-mails são considerados, do ponto de vista legal, como de pose da própria Microsoft, logo ela não precisa se submeter a qualquer outro mecanismo ou força externa para vasculhar seus e-mails.

A grande ironia do caso todo é o fato que a Microsoft investiu pesado na campanha Scroogled, zombando do fato que a Google "fuxicaria" nos e-mails alheios e oferecendo seus serviços, o que inclui o Hotmail, como uma alternativa menos invasiva à sua privacidade. Tratando-se de internet, e de serviços oferecidos "de graça", se você acredita em privacidade de suas informações tudo que podemos desejar a você é: boa sorte.

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Qual você acha melhor?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.