Vendas digitais da Nintendo triplicam em dois anos

Na contramão dos prejuízos fiscais causados principalmente pelas baixas vendas do Wii U, a Nintendo informou que suas vendas digitais tiveram um salto bastante significativo, triplicando nos últimos dois anos.

A informação foi revelada por Satoru Iwata, presidente da Nintendo, durante uma reunião com investidores japoneses. Só no período entre abril de 2013 e março de 2014, foram arrecadados mais de US$235 milhões.

"Esse grÁfico [imagem acima] mostra as transições de vendas digitais até o término do último ano fiscal. Como vocês podem ver, as vendas por download tinham caído hÁ cerca de quatro anos, mas triplicaram nos últimos dois", disse Iwata durante a apresentação dos negócios da companhia.

Iwata vai além e vê o bom desempenho do setor como uma das formas de ajudar na recuperação das finanças da Nintendo. "Quando consideramos que temos progredindo aqui enquanto os negócios da Nintendo não tem se expandindo, acredito que desenvolver este mercado serÁ crucial para nos adaptarmos às mudanças do mercado", completou.

- Continua após a publicidade -


Recuperação em foco 

Para reverter o período de vacas magras n modelo de negócio de consoles, a estratégia recentemente anunciada pela Big N é a de fabricar um novo hardware e apostar nas vendas para mercados emergentes. A ideia é desenvolver um videogame do zero, com novas tecnologias, especificações e funcionalidades voltadas a países do terceiro mundo com crescimento econômico sustentÁvel.

Além disso, a empresa também pretende lançar um jogo inspirado no conceito da franquia "Skylanders", mas usando seus principais mascotes como bonecos interativos. Segundo a empresa, o futuro game tem o codinome "FNP" (Nintendo Figurine Plataform) e farÁ com as as miniaturas dos personagens sejam transportadas para dentro da experiência de jogo. Não foram divulgados mais detalhes quanto ao projeto.

- Continua após a publicidade -

Assuntos
Tags
  • Redator: Andrei Longen

    Andrei Longen

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Andrei Longen é entusiasta por videogames desde os 7 anos, quando ganhou um Odyssey 2, seu primeiro console. Hoje tem PS4, PS3 e PS Vita e adora caçar troféus em todos os jogos. Colabora no Adrenaline com notícias, análises, artigos, colunas e vídeos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.