Estudo diz que quantidade de malware na Google Play quase quadruplicou desde 2011

Um estudo realizado pela RiskIQ estÁ acusando a Google Play Store de ter, até o fim de 2013, mais de 42.000 apps com spyware, cavalos de Troia e outros malware em geral. O número representa um aumento de quase 400% em relação aos 11.000 reportados em 2011.


Segundo a pesquisa, os aplicativos mais suscetíveis à presença de malware são os voltados para personalização dos aparelhos e os games. Um dos mais baixados desde 2011 é o Dragon Ball Wallpaper, que rouba informação confidencial, como a ID do dispositivo onde estÁ instalado. Outros apps recheados de malware foram muitos dos diversos "clones" de Flappy Bird que bombaram na loja depois da retirada do original.

Em contrapartida do aumento de aplicativos "maliciosos", a capacidade da Google em removê-los não segue o mesmo ritmo. Em 2011 a companhia removeu quase 60% dos problemÁticos, mas ao término de 2011, nem 1/4 dos aplicativos com malware foi removido. A empresa foi contactada para comentÁrio, mas disse que primeiro vai precisar de mais informações da RiskIQ antes de se pronunciar sobre o assunto. Via PC World.

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.