Motorola pretende fabricar smartphone de US$ 50

Após o sucesso comercial da dupla Moto X e Moto G (eleitos por parte da mídia como os melhores aparelhos na faixa abaixo dos US$ 200), o "apetite" da Motorola parece ter crescido.

Para ganhar mercado, principalmente em mercados emergentes, como é o caso dos BRICS, a companhia necessitarÁ desenvolver produtos com preços ainda mais acessíveis. Ciente deste fato, o CEO da Motorola, Dennis Woodside, revelou em entrevista ao Trusted Reviews que sua empresa planeja produzir aparelhos "populares".

"Por que estes dispositivos não podem custar US$ 50? Não hÁ nenhuma razão para que isso não possa acontecer, por isso estamos entrando nesta", disse o executivo.

Trata-se de um grande desafio para a Motorola, visto que a companhia deverÁ ser bastante eficiente em termos de produção, para ter uma margem de lucro interessante.

Atualmente não hÁ grandes concorrentes no segmento. O Galaxy Star é o smartphone com Android 4.x mais barato da Europa, com preço na faixa dos €60. Nesta faixa de preço, não hÁ como se iludir em termos de hardware. O aparelho conta tela de 3 polegadas com resolução de 320x240 pixels, processador Cortex A5 @ 1GHz, 512MB de RAM e 4GB para armazenamento.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.