Lucros da divisões de TVs da LG caiu pela metade no fim do ano

Os relatórios ficais da LG indicam que a divisão de displays empresa sofreu uma queda de 56% em seus lucros, no último trimestre do ano passado, alcançando 257 bilhões de won (equivalente a 567 milhões de reais, na cotação atual). Segundo a Reuters, a LG vem sofrendo com a baixa demanda por novos televisores, com uma redução de 10 a 15% no envio de televisores aos lojistas.


JÁ usamos esta foto em outra notícia, mas duvido que alguém vai reclamar de vê-la de novo

 

Além da dificuldade em empolgar o público com as novas tecnologias, e convencê-lo a trocar sua TV de LCD por alguma tela com tecnologia mais recente (e curva), as novas vendas estão se concentrando nos mercados emergentes, como a China, onde a maior parte dos aparelhos vendidos são os mais simples, com menores margens de lucro. Como resultado deste fenômeno, o mercado de televisores como um todo sofreu uma queda, sendo avaliado em 96 bilhões de dólares, enquanto em 2010 tinha valor estimado em US$120 bilhões.

Confira nossa discussão sobre os novos televisores, na CES 2014
Veja nosso teste com o WebOS, novo sistema das smart TVs da LG

- Continua após a publicidade -

Com esta queda, a Área de televisores também perderam espaço dentro da LG. O setor de displays responde agora por 37% da receita da empresa sul-coreana, sendo que no começo do ano chegava a 43%. Na contra-mão, o setor de smartphones cresceu de 31 para 35% de representatividade. Os próximos meses são ainda menos promissores, pois segundo Don Kim, do escritório financeiro de displays da LG, "o próximo trimestre trarÁ uma nova queda devido a redução natural nos preços e na procura, neste período de começo de ano".

Assuntos
Tags
lg
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.