WhatsApp chega a 430 milhões de usuários ativos

O aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp chegou a 430 milhões de usuÁrios ativos, de acordo com o presidente-executivo da empresa, Jan Koum. Em um mês, mais de 30 milhões de pessoas criaram uma conta na ferramenta. Os últimos dados, divulgados em dezembro, indicavam que o número era de 400 milhões.

Koum diz que o app faz sucesso por não exibir publicidade e focar apenas em mensagens. "Sem anúncios, sem jogos, sem truques baratos", afirma. "Se as pessoas querem jogar, elas têm outros sites para fazer isso, e existem grandes empresas fazendo serviços com anúncios".

Embora consiga faturar, principalmente com a anuidade de US$0,99 cobrada depois do primeiro ano, o executivo diz que a intenção agora não é monetizar. "Por enquanto queremos um serviço que funciona", disse. E completou deixando claro a sua preferência pelo sistema operacional Android, que, segundo ele, é mais aberto e permite criar novas funções mais rapidamente, além de ser o sistema com mais usuÁrios do WhatsApp. As informações são do TechCrunch.

No Brasil, o serviço estÁ em mais smartphones do que o Facebook, segundo uma pesquisa divulgada em novembro pela OnDevice. Mesmo com o surgimento de outros aplicativos para concorrer com ele, como o WeChat e Line, o WhatsApp continua crescendo constantemente. O app estÁ disponóvel para iOS, Android, Blackberry, Nokia e Windows Phone.

Assuntos
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.