AMD está sendo processada por baixas vendas das APUs Llano e queda nas ações da empresa

A AMD estÁ sendo processada por um grupo de acionistas por ter "oferecido informações falsas" sobre as perspectivas de mercado para a plataforma Llano. A empresa teria afirmado aos acionistas que a primeira geração de APUs teriam um grande apelo nos mercados emergentes, e que a procura pelas unidades de processamento aceleradas estavam acima da expectativa.


Na festa de fim de ano dos acionistas da AMD, não teve bolo

O processo acusa a AMD de confundir seus investidores com estas altas projeções de vendas durante o período de 27 de outubro de 2011 a 08 de outubro de 2012. Além de seu excesso de otimismo, a empresa sofreu com baixas margens de lucro em seus chips por conta das poucas vendas, que resultaram na retirada de um total de US$ 100 milhões em APUs Llano não comercializadas do mercado. Esta ação trouxe impactos também para o valor das ações da AMD, que apresentaram uma queda de 17%.

O objetivo do processo é justamente reaver as perdas dos investidores que adquiriram ações no período de "grande otimismo sobre as APUs". Em defesa da AMD, a empresa vai ter uma carta na manga: o mercado de PCs estagnou nos últimos meses, algo que vem impactando sem exceção todo o mercado de computadores.

Assuntos
Tags
amd
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.