Claro e Oi são multadas em R$ 2.7 mi por problemas na conexão móvel pré-paga

Segundo informações do jornal O Globo, a Claro e a Oi foram multadas pelo fraco desempenho da conexão móvel de banda larga oferecida para os chips de planos pré-pagos. Esta é a segunda vez em três meses que as duas operadoras sofrem punições pelo Procon carioca, por conta da baixa qualidade de seu serviço de internet, e cada uma terÁ que desembolsar R$ 2.7 milhões.

Se o marketing das operadoras fosse sincero, seria assim

O Procon fez a medição da velocidade de conexão diariamente, com chips das operadora Claro, Oi, Vivo e Tim, verificando se as empresas estavam cumprindo com as metas oferecidas em seus contratos. De acordo com o órgão, nenhuma das operadoras conseguiu atingir as metas mas, por apresentarem problemas menos graves, Tim e Vivo foram apenas notificadas. 

- Continua após a publicidade -

Claro e Oi foram autuadas por propaganda enganosa, ao oferecer um produto que não é cumprido em sua totalidade. As medições, que iniciaram hÁ três meses atrÁs e apenas na sede do Procon no Rio de Janeiro, continuarão sendo feitas diariamente, em diversos locais da cidade, a partir de janeiro. "As empresas não poderão dizer que o problema é resultado de interferências em uma determinada região da cidade", afirma Solange Amaral, secretÁria municipal de Defesa do Consumidor.

As empresas se defenderam, com os mais que batidos argumentos de que "a qualidade de nossos serviços é prioridade" e "estamos investindo em infraestrutura". Vamos esperar por relatórios futuros do Procon para ver a melhora nesta Área, e o quanto vai reduzir o abismo entre o que o marketing das operadoras nos oferecem e o que realmente recebemos.

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.