Produtor de Zelda afirma que fórmula da franquia precisa sair do tradicional para evoluir

Eiji Aonuma, produtor de "The Legend of Zelda", disse que a tradicional fórmula da franquia da Nintendo precisa sair do tradicional sistema de exploração/dungeons para poder evoluir e trazer coisas novas aos jogadores.

"Sobre o que temos feito até o momento, eu pergunto: por que precisa ser sempre tão tradicional? Se não mudarmos isso, não poderemos fazer coisas novas. Meio que estamos tentando fazer isso em 'Zelda: A Link Between Worlds" e jÁ também no próximo 'Zelda'", disse Aonuma ao site N4Gamer, com tradução do site Siliconera.

"E isso logo traz outro questionamento: sobre o que exatamente é 'Zelda'? Algo que é tradicional cai no senso de que copia trabalhos jÁ feitos no passado. Então se você continua fazendo isso, vai se distanciando da unicidade [da série] e é por isso que estamos trabalhando em fazer dessas partes se tornarem ainda mais únicas", completou.

Uma das inovações prometidas para "Zelda: A Link Between Worlds" (trailer acima) permite que Link se transforme em um desenho em 2D e percorra caminhos entre rachaduras nas paredes dos cenÁrios para alcançar Áreas inéditas e outros segredos. 

- Continua após a publicidade -

"Zelda: A Link Between Worlds" sai em 22 de novembro para 3DS. JÁ o próximo "Zelda", em atual desenvolvimento para Wii U, ainda não tem nome e previsão de lançamento definidos.

Assuntos
Tags
  • Redator: Andrei Longen

    Andrei Longen

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Andrei Longen é entusiasta por videogames desde os 7 anos, quando ganhou um Odyssey 2, seu primeiro console. Hoje tem PS4, PS3 e PS Vita e adora caçar troféus em todos os jogos. Colabora no Adrenaline com notícias, análises, artigos, colunas e vídeos.

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.