Livro desvenda o complexo universo da ficção científica de Mass Effect: Revelação

Prólogo do premiado videogame da BioWare, Mass Effect: Revelação antecede a consagrada trilogia e traz novidades e muita ação do universo do jogo. Com detalhes da relação dos humanos e do conselho galÁctico, chega ao Brasil o livro que esclarece o pano de fundo do game, as políticas internas das raças, além de aprofundar o entendimento sobre as personagens da série. Do roteirista de videogames e responsÁvel pelos livros da saga Star Wars, Mass Effect, se passa no ano de 2165 e levanta a polêmica da inteligência artificial.

A obra é assinada por Drew Karpyshyn, escritor e roteirista de jogos de videogames. Nascido em Alberta, no CanadÁ, graduou-se em inglês e começou a trabalhar como designer de jogos. Em 2000, foi contratado pela desenvolvedora de jogos Bioware, para a qual escreveu os roteiros de mais de dez jogos, entre eles os dois primeiros da saga Mass Effect. Como escritor, especializou-se em adaptações das histórias dos jogos que ajudou a produzir.


Mass Effect: Revelação
Drew Karpyshyn
Tradução: Ryta Vinagre 
294 PÁginas/ 16 x 23
Preço: R$ 35,00
Grupo Editorial Record/ Galera 

Após dezessete anos da descoberta dos retransmissores de massa e da conquista de um lugar na comunidade espacial, a humanidade não conseguiu a confiança das raças mais antigas e do Conselho da Cidadela, a maior autoridade governamental da galÁxia. Agora, recém-saída de uma guerra e em busca de aceitação, os humanos começam a se inserir na comunidade intergalÁctica e a participar da vida política e militar. Até que o frÁgil equilíbrio sofre um impacto quando uma base humana de pesquisas no planeta Sidon é brutalmente atacada. Para investigar a fatalidade, a Aliança - força militar e exploratória da humanidade - liderada pelo tenente David Anderson busca a cientista Kahlee Sanders, única sobrevivente do desastre, que estÁ desaparecida e é apontada como a traidora que entregou à base a mercenÁrios com propósitos ainda desconhecidos.

Perseguida pelos verdadeiros autores do atentado, Sanders precisa fugir até encontrar as provas de sua inocência. Uma das poucas pessoas a acreditar nela é o próprio Anderson, que estÁ encarregado de levÁ-la às autoridades. Unidos, os dois começam uma caçada aos verdadeiros culpados e o cuidado precisa ser redobrado, pois atrÁs de Sanders também estÁ Saren, um Espectro turian do Conselho, frio, letal e dono de um desprezo profundo pela humanidade.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

Qual vai ser o melhor game de setembro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.