Skype completa 10 anos e anuncia chamadas em 3D no futuro

O Skype completa hoje 10 anos de existência com 300 milhões de usuÁrios. Ele chega a essa idade no ano em que substituiu um grande comunicador instantâneo, o MSN. Entre as mudanças que sofreu ao longo dessa última década, estÁ a compra pela Microsoft, em maio de 2011, por US$8,5 bilhões.

Com a possibilidade de fazer chamadas em vídeo pelo Facebook ou Gmail, o comunicador precisa lutar para manter seu público cativo. E para incrementar as possibilidades, o vice-presidente corporativo da Microsoft para o Skype, Mark Gillet, disse que o próximo passo é o desenvolvimento de chamadas em 3D que não tornem necessÁrio a utilização de óculos.

Em entrevista à BBC, Gillet afirmou que hÁ uma grande variedade de TVs e monitores de computador com a funcionalidade, mas que ainda não estão "bons o suficiente". Isso vai fazer com que a chamada em 3D ainda demore alguns anos para se tornar realidade. "Ao trabalhar com este tipo de recurso, você tem que adicionar múltiplas câmeras ao computador, calibrÁ-las de forma precisa e deixÁ-las no ângulo correto", disse ao comentar as dificuldades encontradas nos laboratórios da Microsoft.

- Continua após a publicidade -

Enquanto as chamadas tridimensionais não chegam, o executivo falou que, em breve, o Skype vai liberar as videoconferências em FullHD (1080p) para outros aparelhos além do Xbox One.
No Blog do Skype Brasil, você pode conferir um infogrÁfico sobre a primeira década do software.

Assuntos
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

Deve ter lançamentos como leve melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.