Estudo revela que falta muito para podermos usar o teletransporte

Se você sonhava com uma mÁquina de teletransporte como a usada em Star Trek, não sonhe mais. Na tentativa de mostrar o que elas seriam capazes de fazer caso fossem inventadas hoje, um estudo da Universidade de Leicester, da Inglaterra, chegou a um resultado que não pode ser chamado de promissor.


"Enterprise. Transporter room, energize!"

 

A quantidade de energia e tempo necessÁrios para enviar um corpo de um lugar para outro praticamente anula a ideia. Seria mais rÁpido caminhar, literalmente, não importando a distância, do que esperar que seu corpo fosse desconstruído em um lugar e construído em outro. Isso porque apenas uma única célula humana carrega cerca de 10 bilhões de bits de informação.

Se isso não parece impossível, tudo bem. Essa foi a parte mais fÁcil. Para reconstruir o seu cérebro, o tempo seria infinitamente maior. O tamanho do conteúdo do nosso cérebro seria de 2.6 x 1042 bits.

- Continua após a publicidade -

O tempo para transferir todos os dados a uma velocidade de 30GHz é o resultado da multiplicação da idade do Universo, cerca de 14 bilhões de anos, por 350 mil. E se você pensa que uma banda larga maior vai resolver o problema, pense novamente. O estudo descobriu que o aumento da largura de banda para acelerar o processo por alguns milhares de anos esgotaria rapidamente o fornecimento de energia da Terra. "Energize!"

Assuntos
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

Deve ter lançamentos como leve melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.