Após denúncia de espionagem, governo cobra instalação de data centers do Google no Brasil

Em reunião ontem com o Presidente do Google Brasil, Fabio Coelho, o Ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, cobrou da companhia a instalação de data centers da maior ferramenta de buscas no país. A iniciativa do governo veio após as denúncias de espionagem dos Estados Unidos contra empresas e pessoas do Brasil.

O ministro disse que, depois das denúncias do ex-agente da CIA Edward Snowden, "a situação ficou constrangedora" e que isso precisa ser resolvido no "campo diplomÁtico", mas vai afetar empresas do setor. Bernardo disse que Coelho negou a entrega de dados em massa ao governo dos Estados Unidos. O Presidente do Google Brasil ainda teria dito que a instalação não é feita por causa da infraestrutura da rede do país, e não por falta de recursos.

- Continua após a publicidade -

A existência de um data center aqui facilitaria o acesso da Justiça brasileira aos dados da companhia. De acordo com o ministro, atualmente o Google argumenta que não atende aos pedidos do gênero porque o servidor fica no exterior.

SerÁ marcada uma audiência entre os ministros, o embaixador norte-americano no Brasil e representantes de grandes empresas da internet para discutir as denúncias de espionagem. As informações são da Reuters.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.