Trend Micro protege o smartphone contra a brecha que afeta 99% dos Androids

A Trend Micro anunciou uma atualização para o aplicativo Mobile Security que protege os usuÁrios da vulnerabilidade que afeta 99% dos Androids. Descoberta na semana passada, a brecha permite que aplicativos instalados sejam modificados sem que o usuÁrio perceba. 

O Google corrigiu a falha e enviou um upgrade aos fabricantes, mas nem todos os usuÁrios finais receberam a correção ainda. Por enquanto, sabe-se que a Samsung e a Sony jÁ atualizaram alguns dispositivos.

Para quem ainda não recebeu a correção do fabricante, a Trend Micro atualizou o Mobile App Reputation Service para detectar aplicativos que abusam desta vulnerabilidade. Até agora, porém, a empresa ainda não encontrou nenhum app que explorasse a brecha.

A vulnerabilidade tem sido chamada de "chave-mestra" e estÁ relacionada à forma como os aplicativos para Android são identificados. Todos têm uma assinatura digital do desenvolvedor, que certifica a origem legítima do app, sem modificações no caminho até o usuÁrio. Um aplicativo só pode ser atualizado se a nova versão tiver uma assinatura correspondente do mesmo desenvolvedor.

A brecha que afeta praticamente todos os Androids estÁ nesta última etapa. O que os pesquisadores descobriram é que hÁ uma maneira para que golpistas façam a atualização de um aplicativo jÁ instalado, mesmo que não tenham a assinatura chave do desenvolvedor original. Em suma, qualquer aplicativo instalado poderia ser atualizado para uma versão maliciosa.

A Trend Micro, além de oferecer proteção em seu aplicativo de segurança móvel, recomenda desativar a capacidade de instalar aplicativos a partir de fontes externas ao Google Play. 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.